Narrativas da cidade e folk-ativismo no rádio em Sobral-CE

  • Claudiene dos Santos Costa
  • Silvia Helena Belmino

Resumo

Analisamos como o programa de rádio “Sábado de todas as maneiras”, veiculado em Sobral, na zona norte do Ceará, narra a cidade, seu cotidiano e memória. Devido ao seu formato humorístico, apresenta elementos da cultura popular historicamente ligados ao estado, o que nos permite caracterizá-lo como folkmídia, e pela atuação de seu idealizador e apresentador, entre outras características, como um comunicador que reorganiza narrativas midiáticas para grupos populares, o situamos como ativista midiático do sistema folkcomunicacional, conforme conceitos de Beltrão, Marques de Melo e Trigueiro.

Biografia do Autor

Claudiene dos Santos Costa

Mestranda em Comunicação pela Universidade Federal do Ceará.

Silvia Helena Belmino

Doutora em Comunicação pela Universidade de Brasília. 

Referências

BEZERRA, Juliana Freire. Folk-ativismo para o desenvolvimento local: políticas e estratégias de comunicação na comunidade Padre Hildon Bandeira, JP, PB. 2016. Dissertação (Mestrado em Extensão Rural e Desenvolvimento Local) – Universidade Federal Rural de Pernambuco. Disponível em: http://www.tede2.ufrpe.br:8080/tede/bitstream/tede2/5520/2/Juliana%20Freire%20Bezerra.pdf Acesso em 9 abril 2017.
FERNANDES, Guilherme M. Folkcomunicação, mediação e ativismo midiático: do líder de opinião ao ativismo midiático. In: Anuário Unesco/Metodista de Comunicação Regional, Ano 15, n.15, p. 55-67, jan/dez. 2011.
FERREIRA, Diocleide Lima. A (re)invenção de uma cidade: Cid marketing e a requalificação urbana em Sobral-CE. 2013. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) – Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Universidade Estadual de Campinas, Campinas, SP.
FREITAS, N. A. (Org.); HOLANDA, Virgínia Célia C de (Org.); MARIA JUNIOR, Martha (Org.). Múltiplos olhares sobre a cidade e o urbano: Sobral e região em foco. 1. ed. Sobral: UECE/UVA, v. 750, 2010.
FREITAS, Nilson Almino de. O Sabor de uma cidade: Práticas cotidianas dos habitantes de Sobral. 2005. Dissertação (Doutorado em Sociologia) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza - CE.
MARQUES DE MELO, José; FERNANDES, Guilherme M. (orgs.). Metamorfose da Folkcomunicação: antologia brasileira. 1. ed. São Paulo: Editae Cultural, 2013.
NASCIMENTO MESQUITA, Mariana. Folkcomunicação e hibridização cultural: interação de aportes para pensar as culturas populares. Comunicação & Sociedade: Revista da Umesp, São Bernardo do Campo, n. 34, p. 145-159, 2000.
SILVA NETO, F. S. A gênese da “Cultura Moleque Cearense”: Análise sociológica da interpretação e produção culturais. 2015. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza- CE.
SILVA NETO, F. S. O "Ceará moleque" dá um show: da história de uma interpretação sobre o que faz ser cearense ao espetáculo de humor de Madame Mastrogilda. 2009. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza- CE.
VASCONCELOS, Alexandre Araújo. A história do rádio em Sobral e a trajetória do humorista e radialista Tupinambá Marques. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Estadual Vale do Acaraú, Sobral - CE.
BELTRÃO, Luiz. Comunicação e Folclore. São Paulo: Melhoramentos, 1971.
MACIEL, Betania e DA SILVA, Shirley. Folkcomunicação e modernidade: caminhos e
Publicado
2017-04-18
Como Citar
COSTA, Claudiene dos Santos; BELMINO, Silvia Helena. Narrativas da cidade e folk-ativismo no rádio em Sobral-CE. Anais da Conferência Brasileira de Folkcomunicação - Folkcom, [S.l.], n. XVIII, abr. 2017. ISSN 2236-2924. Disponível em: <http://anaisfolkcom.redefolkcom.org/index.php/folkcom/article/view/44>. Acesso em: 18 nov. 2017.