Paisagens naturais e culturais como recurso simbólico e econômico em Triunfo-PE

  • Vera Lúcia Xavier dos Santos
  • Yuji Gushiken

Resumo

Este trabalho de pesquisa parte do argumento de que as paisagens naturais e culturais constituem recursos simbólicos e econômicos a serem considerados na potencial inserção sistêmica das cidades, incluindo as de pequeno porte, nas distintas redes urbanas do país. Na perspectiva da Comunicação, considera-se a cidade como espaço de fluxos materiais e imateriais que constituem distintos imaginários e percepções sobre os recursos naturais e culturais no município de Triunfo, na Microrregião do Pajeú, no sertão do estado de Pernambuco, no Nordeste do Brasil. A pesquisa desenvolve-se em abordagem interdisciplinar, na interface entre comunicação e cultura, promovendo também uma aproximação com áreas como geografia e urbanismo, contemplando questões pertinentes às dinâmicas urbanas no século XXI.

Biografia do Autor

Vera Lúcia Xavier dos Santos

Doutoranda pelo Programa de Pós-Graduação em Estudos de Cultura Contemporânea da Universidade Federal de Mato Grosso (PPG ECCO-UFMT), em Cuiabá, Mato Grosso, Brasil. Bolsista Capes-Fapemat.

Yuji Gushiken

Professor do Programa de Pós-Graduação em Estudos de Cultura Contemporânea da Universidade Federal de Mato Grosso (PPG ECCO-UFMT) e líder do Núcleo de Estudos do Contemporâneo (NEC-UFMT/CNPq).

Referências

Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea). Atlas do Desenvolvimento Humano nas Regiões Metropolitanas Brasileiras, Brasília: PNUD, Ipea, FJP, 2014.120 p.
BELTRÃO, Luiz. Folkcomunicação: A comunicação dos marginalizados. São Paulo: Cortez, 1980.
CANCLINI, Nestor Garcia. Culturas Híbridas: Estratégias para entrar e sair da modernidade, São Paulo: Edusp, 2008.
GUSHIKEN, Yuji. Usos midiáticos na constitiução de circuitos culturais e comunicacionais populares urbanos. E.Compós, vol. 11, n. 01, jan.-abr. 2008, Brasília. Disponível em: http://www.compos.org.br/seer/index.php/e-compos/article/viewFile/244/263. Acesso em 20/03/2017.
IBGE- Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. http://cidades.ibge.gov.br/xtras/temas.php?lang=&codmun=260410&idtema=130&search=pernambuco|caruaru|estimativa-da-populacao-2015-2013-2007. Acesso em: 10/09/2016.
Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas. Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). Disponível em: http://ideb.inep.gov.br/resultado/ . Acesso em: 10/11/2016.
Instituto Nacional do Semiárido (Insa). Sinopse do Censo Demográfico para o Semiárido. Brasília, INSA: 2012. Disponível em: http://www.insa.gov.br/censosab/publicacao/sinopse.pdf. Acesso em 20/10/2016.
Situação do Patrimônio Histórico de Triunfo é julgada irregular pelo TCE Disponível em: http://www.tce.pe.gov.br/internet/index.php/mais-noticias-invisivel/169-2017/marco/2896-situacao-do-patrimonio-historico-de-triunfo-e-julgada-irregular-pelo-tce. Acesso em 06/04/2017.
KLIKSBERG, Bernardo. Falácias e Mitos do Desenvolvimento Social. São Paulo: Cortez; Brasília: Unesco, 2003.
LIMA, Venício Artur de. Mídia: Teoria e política. São Paulo: Perseu Abramo, 2012.
MACIEL, Betânia. Folkcomunicação e Desenvolvimento: Uma abordagem dos Estudos folkmidiáticos na Modernidade. In: Razon y Palabra. Agosto-Outubro, 2011.
MARQUES DE MELO, José. Mídia e Cultura popular: história, taxionomia e metodologia. São Paulo: Paulus, 2008.
SANTOS, Milton. Da Totalidade ao Lugar. São Paulo: Editora da Universidade se São Paulo, 2005.
CAMARGO, Silvio. Considerações sobre o conceito de trabalho imaterial. Pensamento Plural. Pelotas, 2011.
VERSYPLE, Nina Iris. Microrregião Pajeú: economia, clima e desenvolvimento da agricultura através de modelo digital do terreno. Revista GEAMA, Recife, v.1, n.1,
março - 2015. Disponível em: http://www.geama.com.br - ISSN 2447-0740 (online).
YÚDICE, George. A conveniência da cultura: usos na era global. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2004.
Publicado
2017-04-18
Como Citar
SANTOS, Vera Lúcia Xavier dos; GUSHIKEN, Yuji. Paisagens naturais e culturais como recurso simbólico e econômico em Triunfo-PE. Anais da Conferência Brasileira de Folkcomunicação - Folkcom, [S.l.], n. XVIII, abr. 2017. ISSN 2236-2924. Disponível em: <http://anaisfolkcom.redefolkcom.org/index.php/folkcom/article/view/76>. Acesso em: 23 nov. 2017.
Seção
GT 5 - Cidadania e sustentabilidade ambiental, social e cultural